Prefeitura Municipal de Santana

’Janeiro Branco’: Prefeitura de Santana promove II Simpósio de Juventude e Saúde Mental

24 de janeiro de 2024

Acervo Prefeitura de Santana. Foto: Luana Silveira.

O II Simpósio de Juventude e Saúde Mental atraiu dezenas de pessoas para o Centro Educacional em Artes Bi Trindade na manhã desta quarta-feira, 24, para uma abordagem ampla sobre a campanha “Janeiro Branco”, mês de conscientização da saúde mental e emocional.

O evento é uma realização da Prefeitura de Santana, através da Secretaria Municipal Extraordinária de Juventude, e contou com uma programação dedicada a acolher e orientar a juventude santanense, oferecendo palestras com psicólogos, sessões de musicoterapia e apresentação teatral.

Acervo Prefeitura de Santana. Foto: Crisyiano Mendes.

De acordo com o Coordenador Municipal de Políticas Públicas para a Juventude, Lucas Frazão, o objetivo do simpósio é criar um espaço de acolhimento, proporcionando um diálogo aberto sobre o assunto.

“Estamos trabalhando a conscientização do “Janeiro Branco”, tendo em vista os altos índices de homicídios e suicídios na sociedade. Nosso foco é abordar essa temática não apenas no “Setembro Amarelo”. Como coordenadoria, desenvolvemos um trabalho contínuo de cuidado com a saúde mental dos jovens, incluindo a presença de uma psicóloga na Casa da Juventude. O simpósio vem para reforçar o que tem sido feito ao longo desses anos. Trouxemos psicólogos para abordar esse tema, desmistificando-o e evitando que seja considerado um tabu”, destacou o coordenador Lucas Frazão.

Acervo Prefeitura de Santana. Foto: Crisyiano Mendes.

A psicóloga Aline Carina, que faz atendimento na Casa da Juventude (CAJU) há cerca de três anos, explica que há uma necessidade de disseminar a cultura da saúde mental para a juventude.

Acervo Prefeitura de Santana.

“O simpósio busca enfatizar os cuidados e a conscientização em relação à saúde mental. É importante trabalharmos com os jovens, disseminando a cultura da saúde mental, debatendo, refletindo e desmistificando os tabus sobre a saúde mental. Além disso, orientamos sobre os cuidados, a prevenção e incentivamos esses jovens a terem um olhar cuidadoso sobre sua saúde mental”, expressou a psicóloga.

Acervo Prefeitura de Santana. Foto: Crisyiano Mendes.

Laiza Martins, de 21 anos, que tem acesso aos serviços oferecidos na CAJU, destaca a relevância social do projeto, que oportuniza ao público jovem espaços educativos.

“A Casa da Juventude é necessária porque muitos jovens se sentem perdidos no mundo, às vezes não encontram uma saída, e tanto o CAJU como outros lugares aqui em Santana fazem esse acolhimento, levando para projetos, tirando das ruas, onde a gente acaba encontrando muitas coisas ruins. Por isso, acho importante o cuidado que a Prefeitura tem com os jovens, tanto envolvendo saúde mental quanto no lazer”, disse Laiza.

Serviços ofertados na CAJU

• Judô – Sexta-feira | 17h30 às 21h

• Karatê – Segunda, quarta e sexta | 19h30 às 21h

• Muai Thay – Segunda, quarta e sexta (três horários, iniciando às 15h e finalizando às 20h)

• Dança livre: Todos os dias, com aula de zumba nas segundas e quartas-feiras a partir das 18h

• Atendimento psicológico por agendamento, das 8h às 13h

Luana Silveira
Assessora de Comunicação
Prefeitura de Santana

Última modificação: 25 de janeiro de 2024

Comments are closed.