Prefeitura Municipal de Santana

Agentes de saúde participam de capacitação sobre prevenção e controle da doença de Chagas

26 de outubro de 2023

Acervo Prefeitura de Santana.

A Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Coordenação de Vigilância em Saúde (CVS) e o Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Estado do Amapá (IEPA), promoveu nesta quinta-feira (26) uma capacitação direcionada para os profissionais da unidade Iacy Alcântara, localizada no bairro Fonte Nova.

A capacitação teve como objetivo orientar os profissionais acerca da identificação e manejo do inseto Trypanosoma cruzi, popularmente conhecido como “barbeiro”, causador da doença de Chagas. Os agentes de saúde também foram instruídos a auxiliar na busca ativa de possíveis novos casos positivos para a doença.

No mês de outubro, foram detectados dois óbitos no bairro Fonte Nova, decorrentes da ingestão de açaí contaminado, o que acendeu um sinal de alerta na população.

Desde então, a Vigilância Epidemiológica do município, em conjunto com a Vigilância Sanitária, montou uma força-tarefa para identificar o local e verificar se existiam irregularidades. A batedeira foi encontrada e interditada, e o proprietário foi orientado a seguir as normas corretas para poder retomar a venda de açaí.

Acervo Prefeitura de Santana.

A chefe do Departamento de Vigilância Epidemiológica, Marcia Gurgel, afirma que não há motivos para alarme, já que os casos são isolados, e o trabalho de busca por possíveis novas contaminações está em andamento. “Neste momento, estamos realizando uma busca ativa aqui no bairro Fonte Nova para identificar possíveis novos casos provenientes do consumo desse açaí contaminado. E para isso, contamos com o apoio dos agentes de saúde.”

Ela também explica que os números de casos identificados no município desde o início do ano até agora estão dentro da normalidade esperada. “Desde janeiro até 26 de outubro, temos 78 casos notificados. Destes, 14 estão em investigação e 5 foram confirmados para a doença. Isso está de acordo com o esperado se comparado com os últimos cinco anos”, afirmou.

A vigilância continua monitorando outras pessoas que também consumiram o alimento do mesmo empreendimento. Foram intensificadas as fiscalizações nas batedeiras e está ocorrendo uma campanha educativa em parceria com o Instituto de Pesquisas Científicas e Tecnológicas do Amapá (IEPA), voltada para consumidores e produtores de açaí.

Assessoria de Comunicação
Prefeitura de Santana

Última modificação: 26 de outubro de 2023

Comments are closed.